2.10.03

Post Scriptum #20

De amor nada mais resta que um Outubro
e quanto mais amada mais desisto:
quanto mais tu me despes mais me cubro
e quanto mais me escondo mais me avisto.

(Natália Correia, Poesia Completa)